Atendimento Global
Logo Supera Holdings Preto
Pesquisar
Pesquisar
Atendimento Global
Logo Supera Holdings Preto

Cliente oculto: como aplicar em meu negócio?

Cliente Oculto: Procedimentos e Funcionamentos

Neste artigo, vamos explicar o funcionamento da técnica de pesquisa de mercado conhecida como “cliente misterioso”, para que você possa aplicá-la com sucesso em seu negócio. 

O que é cliente oculto? 

O cliente oculto, também conhecido como “cliente misterioso” ou “cliente anônimo”, é uma técnica de pesquisa de mercado na qual uma pessoa (o cliente oculto) se faz passar por um cliente comum para avaliar a qualidade dos produtos, serviços e atendimento de uma empresa de forma objetiva e imparcial.

 Leia também: 👉 Promotor de Vendas: Saiba suas funções e como ele pode ser um aliado em seu negócio!

Como o cliente oculto atua?  

O cliente oculto pode observar como os funcionários tratam os clientes, avaliar em quanto tempo foi atendido e verificar as opções de produtos disponíveis em estoque. Também pode observar a atmosfera da loja, a decoração e analisar se estão alinhados com a imagem da marca. Em alguns casos, o cliente oculto pode comparar a experiência recebida no estabelecimento com outros concorrentes diretos. 

Vantagens 

O cliente misterioso fornece uma perspectiva imparcial e objetiva da experiência do cliente, uma vez que ele age como um cliente comum e não é reconhecido pelos funcionários. Ajuda a aprimorar a qualidade do serviço, produtos e a satisfação do cliente, resultando em benefícios financeiros e de reputação a longo prazo. 

Para o serviço de cliente oculto conte conosco! 

Nós da GM PROMO® disponibilizamos desse serviço. Nosso time elabora o planejamento dos clientes ocultos para captar informações valiosas para melhorar a qualidade do serviço e a satisfação do cliente.  

Categoria

Esse artigo foi escrito por…

Compartilhe este artigo:

Quer ficar por dentro

 do que há de melhor no universo da promoção e do merchandising?

PRÉ-BRIEFING | OPERAÇÃO | AÇÃO | PESQUISA

Orçamento:
Giro:
Relatórios:
Canal:
Manipulação?